As minhas dúvidas e frustrações de mãe são muitas. Sei muito bem a mãe que queria ser pras minhas filhas mas o pensamento de que estou sempre falhando não me deixa em paz. A amamentação é uma delas. Sempre li muito sobre a amamentação, acho lindo, importantissimo e queria muito amamentá-las somente no peito, porém desde minha gravidez me convenceram de que eu nao conseguiria.
Meu GO foi um deles, que nem levava essa idéia como uma possibilidade, falava que eu nao teria leite e que num calculo rapido eu teria quase 8 horas por dia de nenens pendurados no meu seio. As outras mães de gêmeos também, nao conheço uma que tenha amamentado só no peito. Na maternidade, assim que elas nasceram eu ainda não tinha leite. Isso é completamente normal, o leite demora de 2 a 3 dias para descer, no meu caso foram 6 dias. Mas desde a maternidade, como eu só tinha o colostro, eles levavam as meninas para tomar NAN no berçário. Vim pra casa com as recomendações de que eu deveria dar complemento se sentisse que elas tinham fome. Como eu, mae de primeira viagem total, saberia se estava fazendo certo? Ia deixar as meninas sem tomar leite? Não né...entao dá-lhe leite artificial. Quando meu leite desceu, era muito e eu ja estava com o peito em carne viva delas sugarem muito tempo. Certo dia, a Manuela arrancou um naca do meu seio, do tamanho de meia unha talvez. Doeu demais e a minha preocupação na hora era se ela engasgaria com aquele pedação de carne que estava em sua boca... na hora enfiei o dedo para tirá-lo sem ligar para o meu seio sangrando. Depois disso, toda vez que eu amamentava era uma dor insuportável pois elas encaixavam a gengivinha naquele machucado. Me sinto fraca pensando nisso hoje, pois nao lembro da dor muito bem então é facil também achar que mesmo assim eu deveria continuar tentando amamentar só no peito. Mas eu dava complemento para diminuir meu sofrimento e não me perdôo por isso. Os primeiros pediatras que visitei me incentivaram a dar complemento como se fosse a coisa mais normal do mundo. Porém, quando elas ja tinham um mês eu conheci a atual pediatra delas. A mulher é excelente, porém bem radical e fez eu me sentir péssima por dar mamadeira e eu vim pra casa certa de que ia conseguir tira-las do complemento e dar só peito. Mas mais uma vez eu falhei, elas ja tinham se habituado a mamadeira e mamavam apenas 10min no peito, depois disso começavam a chorar e não pegavam de jeito nenhum, e quando eu oferecia a mamadeira elas pegavam esfomeadas. Enfim, não me perdôo por isso e esse assunto me atormenta o dia todo. Hoje elas ainda mamam no peito + complemento, mas ja nao tenho mais tanto leite quanto antes e sei que elas vao largar o peito logo logo....Porque isso é sempre uma frustração? Nossa é tao gostoso amamentar...

Quando casamos, compramos um apto de 1 quarto, porém quando descobri que estava gravida o coloquei a venda para podermos comprar um maior. Essa historia se desenrola até hoje, só consegui pegar a chave do novo apto em dezembro e já estou ha 3 meses hospedada na minha mãe por conta da reforma que estamos fazendo, o que me ajudou muito, ja que nao conseguiria dar conta das duas sozinha e meu marido tem que trabalhar. Porém, fico sempre sentindo que estou incomodando porque minha mae, tadinha, nao consegue fazer mais nada a nao ser ficar com a gente o dia inteiro e eu nunca fui uma pessoa fácil de aceitar ajuda. Sendo assim, como eu poderia cobrá-la que esta fazendo isso errado ou isso certo? Eu brigo o dia inteiro com as pessoas porque quero que façam tudo do meu jeito. Se eu conseguisse cuidaria delas sozinha e sairia tudo do meu jeito claro. Mas nao posso cobrar tanto assim das pessoas e as coisas acabam saindo um pouco do que eu planejo, sempre. Outra coisa é que aqui tem muitos colos né, e eu nao acho que eu deveria acostuma-las no colo porque nao quero precisar de ajuda pra sempre e se elas acostumarem eu nao vou dar conta, porém ninguem me respeita nesse ponto...é o dia inteiro chacoalhando essas nenens pra cima e pra baixo.... acho muito comodo voce ficar balançando um nenem e assistindo televisão enquanto ele dorme...porém voce não ensina nada construtivo a eles e isso me deixa louca também, mas nao consigo ficar com as duas ao mesmo tempo.
Enfim, não vejo a hora que esses medos e frustrações passem para que eu possa curtir ainda mais a minha maternidade sem culpa, afinal o que passou passou nao é mesmo? Elas estão crescendo super saudáveis, graças a Deus e acho que no final dá tudo certo, afinal amor cura tudo não é mesmo?

Ps: Vivo tirando fotos delas mamando pra eu nao esquecer nunca desse momento maravilhooooooso.





3 comentários:

Lizy disse...

Menina, se amamentar um já é difícil imagine 2!! Você ainda teve muita força e continuo no peito tb, não se culpe, tenho certeza que vc fez o melhor pra vc e pra elas!
Eu tento dar mamadeira pro meu ´príncipe desde o terceiro mês nas até hoje não consegui, eu já queria poder dividir as mamadas com leite industrializado, afinal eu preciso descansar...vc deve querer me matar por eu falar isso, mas depois do trabalho eu fico muito cansada e estressada e ele chupeta o meu peito horassss!
Antes eu queria amamentar até os 2 anos e hj torço pro leite secar já pois apesar de tudo não tenho coragem de tirar.
Muito louco isso né...
Mas nenhuma mulher é menos mãe por não dar leite de peito ou por ter menos leite, se existem opções no mercado pq não utiliza-las, relaxaaa!
Esses primeiros meses são bem loucos, daqui a pouco vc muda ´vários conceitos rsrsrs
bjss

Lizy disse...

pois é emagrecer é fácil né mas recuperar a pele que é difícil...tá usando cinta? eu usei só 2 meses e hj me arrependo...nesse calor então, impossível né!
bjs nas 3

Lizy disse...

hahah tudo bem, eu adoro compartilhar rsrsr
Olha fiquei com estrias sim mas fininhas pelo menos, e apareceram só depois do parto, perto do umbigo, na bunda eu já tinha aos montes então não fez diferença...hahah
bjs

Postar um comentário